quero ouvir uma canção de amor

não sei bem em que dia que voltou, uma nuvem negra apareceu, e tudo se calou. todas as portas, todos os ‘partas’, tudo se abriu, tudo se fechou. “aonde está você agora além de aqui dentro de mim?”

um inverno que nem direito começou, ao fim se encaminha, com pouco frio, seco como um coração endurecido. livros com páginas marcadas e linhas grifadas, pensamentos guardados e sentimentos acolhidos. houve uma vez um verão, eu me lembro. já faz tantos anos, ele disse. faz tantos anos que nem mais parecemos jovens (embora ainda sejamos). um fio de vida esgarçado, um amor aguado até ser diluído para render mais. quando ele me abriu seus braços a gente fez um país; e nessa nação que não existe a gente tinha língua própria e passaporte pronto. ninguém queria partir. e mesmo assim (nos) partimos. não é assim que acontece sempre? assim fomos. nas lembranças criadas e na cartografia inventada, nossos metros quadrados de geografia apropriada viraram um território ocupado de suspiros apaixonados e planos a serem concretizados, um local cheio de futuro e promessas de amanhã; quando acreditamos que tudo pode dar certo, que dessa vez será diferente. riso solto e abraço apertado, mãos dadas ao dormir, dois travesseiros ocupados. quando o silêncio compartilhado é confortável sabemos que encontramos alguém para somar qualquer coisa de contente. nos contentamos. 

 

Anúncios

0 Responses to “quero ouvir uma canção de amor”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 168.812 hits
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: