dois mil e dezesseis, sete

2016. O ano de abalos sísmicos e grandes mudanças – internas, externas no meu universo particular, externas a nível nacional e global. Um ano em que eu levei muitos tombos, mas aprendi que é quando a gente cai que conseguimos mudar a perspectiva e ver o mundo de outro ângulo. Foi o ano em que a vida deu várias invertidas, eu virei do avesso e descobri que poderia haver outros lados certos. Ano de aprender a respeitar o tempo das coisas, de tentar entender meu papel no mundo, de fortalecer o círculo de afetos, aprofundar conexões, estabelecer novos vínculos e ler os sinais do universo. No meu mundo, tudo pode ser mágica e a esperança é sempre equilibrista. Outono veio com renovação, inverno com gestação, primavera com flor em botão e, agora, chuva de verão. Compreendendo que a gente está aonde deveria estar, que o presente é o único que nos pertence e que temos mil e uma possibilidades o tempo todo para fazer melhor e diferente.

Para 2017, eu espero cair menos – mas, se cair, continuar a entender que sempre é possível levantar, me reerguer e aprender, apreender. Que as surpresas sejam boas, os sorrisos sejam sinceros, o amor seja recíproco e os abraços, apertados. Que a gente renove as esperanças e tenha ainda mais força para mudar, crescer, agregar, florescer. Mantendo a ternura mesmo ao endurecer. Estou confiante quanto a 2017 e espero que ele venha bem lindo e leve, já que a vida é tão breve. Um sopro de novos começos e aguardadas estreias. Um amanhã cheio de futuro.

 

Anúncios

2 Responses to “dois mil e dezesseis, sete”


  1. 2 Deborah março 8, 2017 às 10:58 pm

    Amei os desejos de 2017.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 162,694 hits

%d blogueiros gostam disto: