diário de um coração partido, parte 6 – uma segunda chance

Desde que publiquei este texto, um ano e meio se passou e mais um monte de “certo alguém” cruzaram meu caminho. E toda vez eu acabo saindo meio bem, meio machucada, meio pronta pra outra. Mas sempre, sempre com os olhos brilhando quando reconheço outra oportunidade – porque o mundo tá cheio de gente que não vale a pena, mas poxa, quanta gente bacana ainda existe também! E mesmo que doa (bastante), devemos aprender a encarar cada obstáculo como uma pedra a ser retirada do caminho, que traz mais força para continuar a jornada – por mais autoajuda de botequim que isso possa soar. Como o princípio do contentamento, que minha professora de yoga estava contando, que prega que o importante não é o te que acontece, mas como você reage isso (já tinha falado um pouco sobre este assunto antes, também).

Coração partido pode trazer gravidade ou leveza. A escolha cabe somente a nós.

***

Meu professor, na aula de ballet:
“o segredo é segurar tudo com muita força por dentro, e por fora só demonstrar leveza”

História da minha vida.

fui tocar a playlist de 'second chance' e o fundo de tela era um tutu de bailarina, ♥

fui tocar a playlist de ‘second chance’ e o fundo de tela era um tutu de bailarina, ♥

Anúncios

0 Responses to “diário de um coração partido, parte 6 – uma segunda chance”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 163,148 hits

%d blogueiros gostam disto: