accepting your goodness

Este título é um capítulo de um livro que li há cerca de um ano sobre o poder da mentalização. Ele falava sobre como é difícil aceitarmos as coisas boas que nos acontecem, porque no fundo a gente não se sente merecedor, uma dúvida de “por que eu?”, quando a gente sabe que há tanta dor no mundo. Mas há muito amor e bondade também, e é um exercício saber aceitar as coisas boas sem questionamentos, desconfianças ou inseguranças. Apenas aceitar.

Hoje, num e-mail cotidiano, alguém disse que “aceitar o bom é mais difícil do que dividir a desgraça – simplesmente aceitem”. Isso ficou martelando na minha cabeça, como a frase que tinha saído no tarot, “sinta-se merecedora e terás o melhor que imaginas para você”.

Se a gente é capaz de distribuir tanto amor e cuidado por aí, por que não recebê-lo de volta, como e quando vier, para quem quiser? Esta é mais uma lição que está na minha pautinha de resoluções para 2012, ano de grandes e produtivos aprendizados. De coração e braços abertos.

Mafaldinha querendo deixar a felicidade entrar (sugestão da Isa, via Fernanda Morais, duas leitoras queridas :* )

Anúncios

5 Responses to “accepting your goodness”


  1. 1 Fernanda abril 12, 2012 às 5:22 pm

    Nath, engraçado como estava falando disso esses dias com a minha mãe. Comentei que estavam acontecendo tantas coisas boas pra mim esse ano que me dava até medo. Sou tão insegura quanto a essas coisas, que uma delas que estava para acontecer eu perdi. Aí me pergunto se a minha mania de achar que não mereço não me fez perder. Adorei o seu texto e agora me encorajo a ter essa resolução pra 2012 também. Obrigada! Beijos!

    • 2 nath abril 16, 2012 às 10:03 am

      Acho que com o tempo a gente aprende a se sentir melhor consigo mesma, a deixar as inseguranças de lado e a encarar o medo mais como aliado (para enfrentar o desafio, e não para impedir de continuar).
      Todo um exercício contínuo né?
      boa sorte para nós :)
      beijão!

      ps: atualizei o post com a tirinha da Mafalda que você compartilhou! :*

  2. 4 Isa abril 15, 2012 às 2:21 pm

    não tem jeito: as coisas boas aparecem pra gente quando a gente passa a estar abertas pra elas. tem uma tirinha da mafalda que diz exatamente isso: pra gente deixar a felicidade entrar.
    foi minha lição do final do ano passado. e quer saber?

    melhor coisa que eu já fiz :)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 161,642 hits

%d blogueiros gostam disto: