eu só quero sossego

Minha mãe: A queijadinha tava boa né? Com a casca fininha…

Eu: Mas há quinze anos ela é igual!

Meu irmão: E é sempre boa.

***

Estamos curtindo: o conforto que só as boas e velhas familiaridades podem trazer. Aquilo que vem sem grandes invencionices, truques ou surpresas. Uma segurança aconchegante de algo que jamais muda: família reunida, fim de semana em lugar conhecido e amado, minha casa onde sei encontrar tudo de olhos fechados, as ruas pouco burocráticas do bairro onde cresci.

Em poucos meses virá mudança das grandes: de endereço, de situações acadêmicas e burocráticas, de postura dentro da família, de atitude perante o mundo. E, apesar de estar lutando muito para ver tudo isso vingar logo menos, o que tenho é um baita frio na barriga. Por isso, sentir-me amparada em lugares onde conheço tudo de cor tem sido um grande alívio. Como uma xícara gorda e morninha de chocolate suíço do qual abusei sem dó nem piedade durante todo o fim de semana. Porque brinde de aconchego tem sabor de chocolate quente descendo macio pela garganta. E guardemos a champanhe para comemorar as mudanças vindouras.  

Anúncios

6 Responses to “eu só quero sossego”


  1. 3 Ju abril 2, 2012 às 4:01 pm

    é o ano do dragão amiga, tudo em movimento, tudo em mudança, é hora de colher os frutos que plantamos
    boa colheita pra nós, espero!
    =)

  2. 5 comida emocional abril 3, 2012 às 2:50 pm

    fiquei curiosa !
    de qualquer forma, boa sorte ;)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 163,970 hits

%d blogueiros gostam disto: