reflexões de boteco

– Sabe, antes eu me vestia para ir às entrevistas e eu me sentia fantasiado, representando um papel, alguém que não era eu. Demorei muito para me sentir tão confortável na minha própria pele a ponto de ir vestido como eu me visto normalmente; e entender que, se eles procuravam alguém mais engomadinho, é porque eu não servia para aquela vaga mesmo.

– Pois é amor, mas acho que é assim em tudo na vida né? Nos relacionamentos também, a gente precisa ser muito seguro de si para não sucumbir ao desejo de tentar ser alguém diferente só para agradar o outro… e ter a consciência de que, se a outra pessoa não nos aceita e nos ama do jeito que a gente é, o problema é dela e não nosso – é ela quem está buscando um outro perfil.

***

Aprendendo na marra que amor-próprio é conquista diária e autoestima é bem dos mais valiosos.

Anúncios

1 Response to “reflexões de boteco”


  1. 1 Stael Guimarães maio 10, 2011 às 10:44 pm

    falou tudo nath! obrigada alegrou minha noite :)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 161,642 hits

%d blogueiros gostam disto: