aberta para balanço

2010 foi o ano da família – a de sangue e a de coração, aquela para a qual fui escolhida e aquela que escolhi para mim. de buscar raízes em outro continente, de encontrar forças dentro e fora. de amor, muito amor. fraterno e descompromissado, sem cobranças ou amarras, aquele que segura quando o barco vira, aquele que acolhe quando faz frio, que protege e aquece. conheci pessoas incríveis, para carregar pra vida, e através de cada uma delas aprendi a me conhecer melhor e a gostar um pouquinho mais de mim, também.

foi ano de fechar ciclos e encerrar histórias encarceradas há tempos. para, ao virar páginas, conseguir abrir espaço para escrever um montão de outras novas. 2010 foi ano de realizar sonho dourado, e também de aprender a superar obstáculos quando nem tudo que reluz é ouro (rá!). de crescer crescer crescer. profissionalmente, emocionalmente, intensamente. de montanha-russa, muitos altos e muitos baixos, oui. mas de perceber que se está indo para algum lugar, quando tudo que nos resta é ter fé e acreditar. 

para 2011 eu tenho muitos outros sonhos, guardados no coração e gravados num guardanapo que vai queimar no vento. meu peito se enche de coisas boas feito espuma, que ocupa muito espaço sem pesar. porque de uma coisa eu me dei conta, e antes tarde do que nunca: não quero mais peso sofrimento angústia obsessão buscar respostas insistir cansar arrepender. tudo o que mais quero da vida agora é leveza, chega de pesar. nos dois sentidos.

 

“(…) pra vocês e pra mim eu desejo um bom recomeço. Eu já tive tantos recomeços e sei que vocês também, que sei que às vezes a melhor coisa – a única coisa que funciona – é isso mesmo, recomeçar. Não importa agora o quanto a gente chorou, o quanto a gente bateu com a cabeça na parede, as coisas estúpidas que nós fizemos, as decisões erradas que nós tomamos. É ano novo e tem espumante e uvas e ondas e esperança e uma nova chance. Vamos tentar de novo. Vamos lembrar do que deu errado e tentar aprender e corrigir. Vamos recomeçar e torcer pra que desta vez dê certo. Mas, se não der certo de primeira, tudo bem, é só lembrar que todo dia é dia de recomeçar.”
(crtl c + ctrl v em email querido da Renata :* )

Anúncios

2 Responses to “aberta para balanço”


  1. 1 Laylah dezembro 30, 2010 às 10:33 pm

    Posso colocar um grifo por minha conta? Porque 2008, 2009 e 2010, eu percebo, foi isso pra mim.
    Então eu preciso te citar.
    “conheci pessoas incríveis, para carregar pra vida, e através de cada uma delas aprendi a me conhecer melhor e a gostar um pouquinho mais de mim, também.”


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 162,637 hits

%d blogueiros gostam disto: