sin perder la ternura

– Amor, seu 2010 foi bom?

– Hmm, acho que foi…

– Mas teve grandes mudanças né? Fim de um relacionamento estável, trocar de emprego depois de seis anos, a doença da Clarinha… muitas reviravoltas.

– Ah mas eu não consigo pensar dessa forma, sabia? Parece que nada mais me afeta superlativamente. Hoje em dia já estou tão seguro de mim, de quem eu sou e do que eu gosto, que mesmo essas grandes mudanças não me abalam. Deixo a vida seguir seu curso.

***

Plano para 2011: fazer como Ti e não deixar a montanha-russa de altos e baixos da vida afetar nossa essência. Tipo Renato Russo, podem-até-maltratar-meu-coração-que-meu-espírito-ninguém-vai-conseguir-quebrar.

Anúncios

0 Responses to “sin perder la ternura”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 164,286 hits

%d blogueiros gostam disto: