o primeiro dia

a principio é simples, anda-se sozinho
passa-se nas ruas bem devagarinho
está-se bem no silêncio e no burburinho
bebe-se as certezas num copo de vinho
e vem-nos à memória uma frase batida
hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

pouco a pouco o passo faz-se vagabundo
dá-se a volta ao medo, dá-se a volta ao mundo
diz-se do passado, que está moribundo
bebe-se o alento num copo sem fundo
e vem-nos à memória uma frase batida
hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

e é então que amigos nos oferecem leito
entra-se cansado e sai-se refeito
luta-se por tudo o que se leva a peito
bebe-se, come-se e alguém nos diz: bom proveito
e vem-nos à memória uma frase batida
hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

depois vêm cansaços e o corpo fraqueja
olha-se para dentro e já pouco sobeja
pede-se o descanso, por curto que seja
apagam-se dúvidas num mar de cerveja
e vem-nos à memória uma frase batida
hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

enfim duma escolha faz-se um desafio
enfrenta-se a vida de fio a pavio
navega-se sem mar, sem vela ou navio
bebe-se a coragem até dum copo vazio
e vem-nos à memória uma frase batida
hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

e entretanto o tempo fez cinza da brasa
e outra maré cheia virá da maré vazia
nasce um novo dia e no braço outra asa
brinda-se aos amores com o vinho da casa
e vem-nos à memória uma frase batida
hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

(a música chama-se “O primeiro dia” e recebi diretamente de Portugal, de presente de Andreia, querida que vive inundando minha caixa-postal de mensagens positivas e carinho sem fim. É de um cantor português, Sérgio Godinho – o Caetano lusitano, segundo palavras dela. Ela disse que se lembrou de mim quando ouviu. E eu, ao ver/ouvir tudo isso um dia antes de embarcar, só fiz chorar. De alegria.)

 

**

A última carta que Caio escreveu a Paula de Paris foi num dia 28 de abril também, exatos dezesseis anos atrás. Esta é a minha primeira.

Anúncios

6 Responses to “o primeiro dia”


  1. 1 Andreia abril 28, 2010 às 2:28 pm

    :)

    Bienvenue en Europe!

    Que seja uma mudança cheia de coisas boas e de muitos momentos fantásticos.

    Bjo e abraço forte

  2. 2 larissamargulies abril 28, 2010 às 2:35 pm

    achei a letra tão bonita que fui ouvir a música! ;)

    “e entretanto o tempo fez cinza da brasa
    e outra maré cheia virá da maré vazia
    nasce um novo dia e no braço outra asa
    brinda-se aos amores com o vinho da casa”

    <3

    e que sejam só choros de alegria, flor :*

  3. 3 Ju abril 28, 2010 às 7:34 pm

    ai querida, tá vendo, tantas coisas e lembranças boas… não tem como dar errado
    e o presentinho abaixo? lindo-lindo como vc!
    tudibom
    =)

  4. 4 Deborah maio 1, 2010 às 4:38 pm

    Assim como vc que nao gosta de chuva e é de sagitario, vou lendo suas poesias e digo.. como tu escreve bem.. adoro os hifens separando as palavras, parece q tá falando rápido… e todo mundo se apaixona em Paris…q seja pela cidade, pelo francês falado ou pelo francês perfumado… rs Boa sorte.


  1. 1 bonjour, novos rumos « drops de anis Trackback em maio 24, 2010 às 3:59 pm
  2. 2 i’m lost but i’m hopeful « drops de anis Trackback em setembro 21, 2010 às 2:24 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 163,912 hits

%d blogueiros gostam disto: