para abrir a rosa, temporada

Nosso gift de ano-novo na agência foi um vaso com sementinhas para plantar, que chegou na primeira semana após as férias. Carregado daquele conceito simpático de ‘plantar um ano melhor e novas ideias’, coisa e tal. Tinha de diferentes tipos, e eu ganhei de flores do campo – apesar de ter tentado barganhar um girassol, sem sucesso. Em poucos dias, botões e pequenos caules começaram a pipocar por todo lado, mas por duas semanas inteiras este vaso ficou intacto ao lado do meu computador, me encarando. Todos perguntavam se eu nunca ia plantar as tais flores do campo, no que eu respondia, ‘mas eu não vou plantar uma flor, eu vou matar uma semente’, de tanto que eu não sei cuidar de flora. Porque eu sou como Carrie Bradshaw, ‘I don’t do plants’. Não tenho esse gene zen e cuidadoso de jardineira que minha mãe tanto preza, infelizmente.

Mas aí chegou num ponto de soar muito antipático da minha parte não dar valor ao nosso presentinho, então esta semana tomei vergonha na cara e coloquei terra, sementinhas e reguei. Escolhi o canto mais acolhedor na minha janela e lá deixei, para receber sol. Vamos ver quando tempo vai durar?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Blog Stats

  • 163,970 hits

%d blogueiros gostam disto: